5 hábitos que te impedem de correr

Não consegue sair do sofá? Essas rotinas podem estar te segurando

Foto: shutterstock.

Não consegue iniciar a vida na corrida nem manter os treinos constantes? Existem alguns hábitos ruins no seu cotidiano que podem estar te impedindo…

Por Jordan Davidson

Você sabe que se exercitar é benéfico para a sua saúde, seu cérebro e suas metas de perda de peso.

Ainda assim, pode parecer difícil encaixar os treinos no seu dia. E, se você não programa uma corrida, provavelmente não vai fazê-la.

Além disso, ainda tem a sua interminável lista de tarefas do dia em casa e no trabalho.

E mesmo que você supere esses obstáculos, também existem muitos empecilhos inesperados entre você e o asfalto ou a esteira.

Abaixo, confira alguns desses hábitos que podem estar atrapalhando suas metas – e como evitá-los.

Hábitos ruins que te afastam da corrida

Pular o café da manhã

Talvez você não esteja com fome de manhã. Talvez não tenha tempo para parar e comer. Ou ainda talvez pular o café da manhã seja apenas parte da sua rotina. Mas isso não é bom para se você quer fazer seu treino, de acordo com um estudo no American Journal of Clinical Nutrition.

Pesquisadores descobriram que pessoas acima do peso que tomaram café da manhã eram mais propensas a se exercitar. Além disso, queimavam cerca de 200 calorias a mais durante a manhã do que aqueles que permaneceram em jejum.

Para uma refeição matinal energizante que vai ajudá-lo durante o dia, busque proteínas e gorduras de absorção lenta.

Como, por exemplo, bacon e ovos, abacate, queijo e iogurte vão dar energia para sua manhã. Assim, você se sentirá pronto para correr e menos faminto quando chegar a hora do almoço.

Ficar muito tempo nas redes sociais

São “apenas” 24 horas no dia e o tempo que você passa nas redes sociais compartilhando fotos, tweetando ou lendo artigos deprimentes sobre política vai tirar espaço do seu dia em que você poderia estar amarrando seus tênis e movimentando seu corpo.

E um estudo de 2012, da University of Ulster, confirmou: quanto mais tempo os participantes da pesquisa passavam nas redes sociais, menos eles se exercitavam ou praticavam algum esporte.

“É comum ver clientes meus mergulharem no Facebook e no Twitter e perderem um treino”, diz Aja Davis, fundador do New Body Bootcamp em Nova York.

Viver para trabalhar

Fazer uma caminhada rápida ou levantar pesos se torna mais fácil quando você não está preso à sua mesa. Quando você está conectado o dia todo, preocupado com datas de entrega e vivendo com medo do seu chefe, você acaba colocando seu próprio bem-estar em segundo lugar.

“Algumas carreiras podem ser exaustivas e tiram a vontade de se exercitar”, afirma Davis. “Se você trabalhar até tarde e carrega o estresse mental do trabalho para fora dele, é difícil fazer exercícios”.

Uma pesquisa de 2013 com militares encontrou que quanto mais estresse eles vivenciavam no trabalho, menos propensos ficavam a se exercitar – e essa é uma carreira que demanda que você esteja em forma.

Então, o que alguém que trabalha em escritório deve fazer? Se você normalmente não consegue cumprir seu treino, porque trabalhou até tarde, tente fazê-lo pela amanha antes que o trabalho tome o controle do seu dia, explica Davis.

Não ter hora para dormir

Se você pensa que ‘hora para dormir’ é apenas para crianças, pense novamente. “Um bom treino começa na noite anterior”, diz Davis. Por isso, “se você ficar assistindo TV ou no seu computador até tarde da noite, não vai se sentir revigorado no dia seguinte”.

E um sono pobre causa estragos na mente e no corpo. Ele reduz motivação, amplia a sensação de exaustão e deixa o corpo mais propenso a lesões. Além disso, aumenta a inflamação, o que suprime o sistema imunológico, de acordo com um estudo de 2015.

Não fazer pausas

Quando falamos de maus hábitos, você provavelmente sabe que sentar é o novo fumar: quanto mais tempo você passa sentado, menos chances de você cumprir o mínimo recomendado de atividade física.

Uma pesquisa de 2015 publicada no British Journal of Sports Medicine relatou que australianas que ficavam sentadas por mais de 8 horas por dia tinham menos propensão a se exercitar e aumentavam significativamente suas chances de morrer.

Para combater os efeitos de ficar atrás de uma mesa o dia todo, faça pausas frequentes para se levantar, se alongar e se mexer um pouco.

Para correr melhor

10 ciladas para corredores
5 coisas para não fazer antes de correr