5 táticas para corredores que odeiam treino de força

Se você detesta cada momento que passa na academia, saiba que não está sozinho; mas é possível mudar essa mentalidade

Uma aula em grupo pode ser melhor do que fazer seu treino sozinho. Foto: shutterstock.

Por Jenny Hadfield

O primeiro passo para melhorar sua relação com os treinos de força é entender que você não está sozinho. Corredores amam acumular quilômetros e, para alguns, qualquer coisa que tire tempo dos seus treinos de corrida parece um obstáculo em vez de um auxílio. Ainda assim, há várias formas de melhorar sua relação com os treinos de força. Abaixo, algumas dicas:

Leia mais:

5 exercícios de força para corredores
Ganhe força e resistência no pilates

Mude sua mentalidade

Você escova seus dentes para evitar coisas como cáries, certo? Fortalecimento muscular também é uma medida preventiva – uma que mantém as lesões longe ao equilibrar a musculatura do seu corpo. Pense nisso como um hábito saudável que vai ajudá-lo a correr com menos riscos de lesão e talvez até melhorar sua performance.

Vá com tudo…

Se você não está gostando do seu treino de força, talvez seja porque ele não é desafiador o suficiente. Vá com tudo e dedique dois dias por semana para completar uma sequência de força na academia ou em casa. Você se sentirá desafiado a sair da sua zona de conforto e estimulado pela variedade e motivado pelos avanços que verá com algumas poucas semanas.

…ou vá devagar

Outra forma é fazer um curto trabalho de força antes ou depois de três de suas corridas durante a semana. A rotina pode combinar exercícios (como a do link) para os quadris e mobilidade (um problema comum) e em apenas cinco minutos. Assim como escovar os dentes, se torna rotina e uma parte regular da sua corrida em vez de algo a mais para adicionar na sua lista de coisas a fazer na semana.

Faça você mesmo

Você pode criar seu próprio treino de alta intensidade fazendo de cinco a oito exercícios de força durante uma corrida. Eu fiz isso no ápice dos meus anos de corrida de aventura para aumentar minha energia e força fora da academia. Depois do seu aquecimento, faça alguns exercícios como afundos em movimento, saltos com agachamento, subida de escadas, flexões, afundos laterais e agachamentos na parede e depois siga com quatro a oito minutos de corrida em esforço leve a moderado.

Treine sazonalmente

Assim como com a corrida, o treinamento de força deve ser periodizado. Se você está no final da sua planilha para uma maratona, a corrida será a atividade principal e o fortalecimento ficará em segundo plano. Mas se você estiver sem nenhuma prova-alvo, por exemplo, pode abrir mais espaço e dedicar mais tempo aos treinos de força durante a semana.

O segredo é mudar sua mentalidade, pensar nos treinos de força como parceiros da corrida e mantê-los interessantes. Você pode nunca chegar a amar seus treinamentos de força, mas vai descobrir que gosta dos benefícios que eles fornecem para seu desempenho na corrida.

SHARE