Corredor dos EUA carrega outro nos braços até a linha de chegada

“Na comunidade da corrida, camaradagem vem antes da competitividade”, disse o atleta

Reprodução Instagram \ tdbeach2beacon

Uma corrida de 10K no estado do Maine, nos EUA, foi palco de uma bonita demonstração de espírito esportivo e camaradagem no último sábado (5). No fim do percurso, o corredor Jesse Orach, de 23 anos, estava no pelotão da frente quando sentiu suas pernas falharem e estava prestes a desabar no asfalto. Robert Gomez, outro corredor local que estava próximo, decidiu ignorar seu tempo pessoal e ajudar o companheiro de corrida.

Leia mais:

+ Cycflix, o programa que te obriga a pedalar para assistir ao Netflix
+ 9 dicas para criar seu próprio clube de corrida

“Eu não poderia deixa-lo lá”, disse Gomez, que carregou Orach pelos últimos 100 metros de prova, ao jornal local Portland Press Herald. “Na comunidade da corrida, camaradagem vem antes da competitividade”.


Na linha de chegada, os dois completaram a prova juntos com o tempo de 31m31s. Orach foi imediatamente ao apoio médico, que constatou mais de 40° de febre no atleta. “Eu nem sei o que dizer”, declarou, agradecido. “Ele me trouxe até a linha de chegada”.

COMPARTILHAR