Joyciline Jepkosgei quebra quatro recordes mundiais

Queniana registrou o melhor tempo nos 10 km, 15 km, 20 km e 21 km na Meia Maratona de Praga

Foto: Jiro Mochizuki/Divulgação.

Joyciline Jepkosgei conseguiu um feito e tanto na Meia Maratona de Praga no último sábado (1). A queniana quebrou os recordes mundiais de quatro distâncias: 10 km, 15 km, 20 km e meia maratona. A atleta de 23 anos finalizou os 21 km em 1h04min52, abaixo da marca de 1h05min06 de Peres Jepchirchir, registrada em fevereiro deste ano.

Jepkosgei imprimiu um ritmo forte desde o começo, passando pelo Km 10 com 30min04 – 17 segundos abaixo do recorde mundial de Paula Radcliffe de 2003. Na marca dos 15 km, a queniana conseguiu abrir três segundos para Viola Jepchumba, a segunda colocada, e passou com 45min37, bem abaixo do recorde anterior de 46min14. Daí para frente, aumentou ainda mais a distância e passou pelos 20 km com outro recorde mundial: 1h01min25.

Leia mais:

Estratégias simples para bater seu recorde nos 42 km
O senhor dos recordes

“Eu não sabia que quebraria o recorde mundial hoje”, disse a campeã, que tinha como melhor marca anterior 1h06min08. “Apenas queria melhorar meu tempo. É uma surpresa para mim. As condições estavam boas, porque estou acostumada a treinar nesse período do dia, pela manhã”.

Jepchumba chegou em segundo (1h05min22) e Fancy Chemutai foi a terceira (1h06min58). Entre os homens, Tamirat Tola foi o vencedor com o tempo de 59min36, sua primeira performance abaixo de 60 minutos. Josphat Tanui (1h00min38) e Yegon (1h00min41) terminaram, respectivamente, na segunda e terceira colocações.

COMPARTILHAR