Qual a melhor dieta para a sua performance?

Por Danielle Zickl, da Runner’s World UK

sua dieta pode afetar a sua resistência
Foto: Shutterstock

Nutrição é um assunto que sempre está em debate. Ultimamente, discute-se sobre dieta plant based e se o consumo de carne pode ajudar ou prejudicar seu desempenho. Agora, uma nova pesquisa analisou se a sua dieta pode afetar a sua resistência – e a descoberta pode surpreendê-lo.

No estudo, publicado no Journal of the International Society of Sports Nutrition, pesquisadores 76 corredores amadores – 24 veganos, 26 vegetarianos e 26 que comiam carne. Todos eles treinavam em volumes semelhantes anteriormente. Para determinar a capacidade máxima de exercício de cada um, eles pedalaram em uma bicicleta ergométrica até a exaustão.

Energético faz mal para o coração, sugere novo estudo

Os participantes – independentemente do tipo de dieta – consumiram cerca de 2.150 calorias diárias. No entanto, houve algumas diferenças notáveis ​​entre os três grupos em termos de absorção de nutrientes.

Embora todos ingerissem quantidades parecidas de proteína, os corredores veganos tinham, em suas refeições, mais carboidratos, fibras, magnésio, ferro, ácido fólico e vitamina E do que os vegetarianos ou carnívoros. (Mas consumiram menos gordura e vitamina B do que os outros dois grupos).

Dieta baseada em vegetais pode melhorar tempo de recuperação muscular 

Sua dieta pode afetar a sua resistência?

Apesar das diferenças na dieta, os pesquisadores descobriram que a capacidade de exercício de todos era semelhante. Segundo o co-autor do estudo, Andreas Hahn, chefe do Instituto de Ciência dos Alimentos e Nutrição Humana da Leibniz University Hannover, na Alemanha, “não importa se o corredor é vegano, vegetariano ou carnívoro, todos são capazes de se exercitar do mesmo jeito, desde que comam alimentos nutritivos”.

O hambúrguer vegano que imita carne é saudável?

“O principal é ingerir energia e nutrientes que sejam adequados para corredores. E isso pode ser alcançado com diferentes dietas”, disse ele à Runner’s World UK.

Por um lado, os corredores devem garantir mais proteínas do que não-corredores para ajudar a construir os músculos. De acordo com uma declaração recente da Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF), corredores que querem manter ou ganhar peso devem comer de 1,3 a 1,7 gramas de proteína por quilograma de peso corporal por dia. Já os que querem manter a massa muscular devem aumentar o consumo para 1,6 a 2,4 gramas de proteína por quilograma por dia.

Os carboidratos dão o gás necessário para seus treinos, fornecendo a energia que você precisa para não “bater no muro”. Cerca de 55 a 65 por cento de sua dieta diária deve vir desse grupo alimentar. No entanto, este número pode variar de pessoa para pessoa, dependendo de quanto você corre.

Há uma série de outras vitaminas e minerais que também são importantes para o desempenho e podem fazer parte de qualquer dieta saudável. Entre eles, podemos citar magnésio, vitamina E, fibra e ferro, por exemplo.

Afinal, doces sem açúcar são mais saudáveis?

A conclusão? Quer você siga ou não uma dieta vegana, vegetariana ou à base de carne, contanto que ingira o suficiente dos nutrientes essenciais de que todos os corredores precisam, seu desempenho não será prejudicado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here