5 mitos sobre beber água que podem prejudicar a saúde

Por Chris Mohr, da Men's Health US

Mitos sobre beber água
Foto: Shutterstock

Beber água suficiente é um problema para você? Pois saiba que há muitos mitos sobre beber água por aí. A hidratação é muito mais do que o H2O. A hidratação é sobre sódio, potássio, suor e xixi. Também não diz respeito apenas ao que você bebe, mas o que você come.

Se parece complicado como conceito, não significa que a hidratação na prática seja tão difícil assim. 

Evite esses mitos sobre beber água e mantenha o equilíbrio. Desse modo, você irá melhorar sua saúde.

Síndrome de Burnout pode prejudicar hábitos saudáveis

1A meta diária de hidratação só conta se você beber água

O equilíbrio da hidratação depende da sua transpiração, sua dieta e até elevação e umidade do lugar em que vive. Uma alimentação saudável tem cerca de 20% de líquidos na sua ingestão diária, diz Kim Schwabenbauer, treinador dos EUA Triathlon.

Por isso, vale investir na melancia, toranja, pepino, brócolis, maçãs e uvas como lanches para aumentar o consumo de líquidos. Ou acrescente um pouco de sabor à sua água adicionando frutas vermelhas, limão, kiwi, abacaxi ou laranja. Estudos mostram que, se seus líquidos têm sabores, você vai beber mais.

A sauna é tão boa quanto o exercício físico?

2Você pode ser saudável sem uma boa hidratação

Mesmo a menor desidratação pode afetar o desempenho físico e cognitivo, bem como a saúde em geral.

Imagine que suas células estão nadando alegremente em uma piscina, inundadas por uma abundância de fluidos. A desidratação reduz a quantidade de líquido que circula na corrente sanguínea. Isso faz com que seu coração trabalhe mais, limita a capacidade do corpo de se refrescar e leva os seus músculos à fadiga prematuramente.

Seu sangue fica mais viscoso – mais espesso, concentrado. Portanto, não se esqueça de beber água. Preste atenção.

Dor na perna: 6 lesões comuns entre os corredores

3Contanto que você evite alimentos salgados, você está bem

O sódio não é o grande vilão. Você precisa do nutriente para sobreviver e seu corpo não pode produzi-lo sozinho.

Este eletrólito contribui para o volume sanguíneo e, se você estiver ativo, isso é uma coisa importante. A manutenção do volume sanguíneo ajuda a pele a dissipar o calor, a absorver os nutrientes e fornece oxigênio aos músculos mais exigentes – inclusive o coração.

O sódio é o mineral perdido em maior quantidade no suor e na urina, e substituí-lo é essencial para uma hidratação adequada. Então quanto é demais? É complicado dizer…

O que acontece quando você transpira:

  • 1 a 2% de água corporal = função aeróbica prejudicada e capacidade de trabalho físico diminuída;
  • 2% de água corporal = sede, aumento da frequência cardíaca, irritabilidade;
  • 4% de água corporal = queda da pressão arterial, aumento do risco de desmaio. O suor para, aumentando o risco de superaquecimento;
  • 7% de água corporal = o sangue diminui, o que pode causar danos aos órgãos.

(Observação: a perda de água corporal de 1% é inferior a 900g de perda de peso para um indivíduo com peso de 79,5 kg.)

Sua rede de amigos diz muito sobre a sua saúde

4Bananas são ótimas para cãibras de desidratação

É verdade, mas não quer dizer que as bananas sejam milagrosas. O potássio presente nelas pode ser fundamental. O eletrólito ajuda a atenuar os efeitos do sódio e, com a ajuda dos rins, o expulsa do corpo.

Pense em sódio e potássio em lados opostos de uma gangorra, trabalhando para equilibrar um ao outro a fim de alcançar a hidratação adequada.

A maioria das pessoas consome cerca de metade dos 4.700 miligramas diários de potássio recomendados, diz Megan Meyer, da International Food Information Council Foundation. Um baixo nível dessa substância no corpo também pode afetar a pressão arterial e as contrações do coração.

Beber 25 xícaras de café por dia é realmente seguro?

5Todo mundo precisa beber oito copos de água por dia

É a mesma coisa que dizer que todos precisam comer 2.800 calorias por dia. O que não é verdade.

Dependendo do peso corporal, do nível de atividade e da temperatura, suas necessidades diárias de líquidos podem variar de dois a quatro litros para mais de seis litros por dia.

Nos dias em que você não se exercita, avalie seu xixi. Sua urina deve parecer mais com limonada do que com água ou suco de maçã. Urina escura geralmente reflete desidratação.

Nos dias em que você treinar, pese-se antes e depois do exercício. Para cada quilo de peso que você perdeu, você precisará beber de 2,5 a 3 xícaras de líquido para restaurar o equilíbrio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here