6 lições que todo corredor deve ter em mente

Tudo o que você precisa saber para ser um bom corredor.

Créditos: Jacob Lund/Shutterstock

O educador físico Pedro Gorgulho revela o que todo corredor precisar ter para ser um bom atleta e aproveitar todas as vantagens que a corrida proporciona.

Correr é algo que costuma acompanhar algumas pessoas a vida toda. Para muitos, é praticamente uma filosofia a ser seguida diariamente.

Mas para continuar animado nesse propósito, de modo a colher apenas os benefícios que esse tipo de exercício proporciona, é preciso seguir algumas lições.

Pedro Gorgulho, educador físico e diretor técnico da rede de academias Biofisic, aponta as principais, confira:

Tudo o que um corredor precisa ter

1Motivação

Essa é sua principal arma para continuar treinando. Como a tendência é que a empolgação do início passe, você precisa ter sempre em mãos algo que o motive a correr cada vez melhor.

Por exemplo: alguma prova que pretenda correr nos próximos seis meses. Também é importante variar o treinamento, de preferência, sendo bem orientando por alguma profissional que entenda do assunto.

2Planejamento

É o caminho que você deve traçar para conquistar seu objetivo na corrida. Por isso, “você precisa definir em quanto tempo pretende atingir essa meta e a estratégia para alcançar isso. Ou seja, a frequência, a intensidade e o volume de treinamento”, diz Gorgulho.

3Rotina

A ordem aqui é ter uma sequência de treinos, o que, obviamente, não tem a ver com monotonia. Mas sim com os bons resultados dependem de sua disciplina e perseverança em continuar evoluindo.

Isso se aplica também a fatores extras que ajudam a melhorar o seu desempenho, como alimentação adequada e descanso.

Então, “caso haja um imprevisto de tempo, melhor fazer um treino mais curto do que matar o mesmo. E caso ainda você fique mais de duas semanas sem treinar, haverá perdas no condicionamento adquirido”, explica Gorgulho.

4Paciência

Ninguém consegue correr grandes distâncias de uma hora para outra sem colocar o corpo em risco. Portanto, vá com calma, mirando um objetivo de cada vez. Se você quer participar de provas, comece treinando para as mais curtas.

Treine primeiro para uma de 5 Km, depois para os 10 Km e assim por diante. Um vez alcançada cada meta, você parte para um novo desafio. Essa é a ideia. E cada distância a ser alcançada pede um ajuste no treinamento.

5Cautela

Também existem imprevistos na vida de um corredor e saber contorná-los é essencial para continuar firme na empreitada. Caso sinta alguma dor que o incomode, melhor procurar ajuda médica de modo a contornar o problema o mais rápido possível.

Assim, você volta logo aos treinos habituais, sem grandes prejuízos. “E se você se machuca constantemente, sente-se cansado ou irritado, e o rendimento já não é mais o mesmo, talvez o treino esteja excessivo.

Ou seja, pode ser o caso de um overtraining“, diz Gorgulho. “Assim, é preciso rever toda a estratégia de treinamento, lembrando que o descanso também faz parte dela”.

6Ambição

Ainda que seja preciso respeitar os limites do corpo para minimizar os riscos de lesões e ter paciência na evolução, é sempre bom sonhar alto. Por exemplo: almejar disputar uma maratona.

Isso também é uma forma de manter você motivado. Agora, quanto mais ambicioso for o seu objetivo na corrida, mais profissionais serão necessários para ajudar você nessa caminhada.

Para correr melhor

8 formas de aumentar o longão
Aprenda a melhorar o pace com menos esforço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here