Pular o café da manhã pode te ajudar a perder peso, mas será que vale a pena?

Por Danielle Zickl, da Runner's World US

pular o café da manhã
Foto: Shutterstock

Tomar café da manhã tem sido associada a um melhor desempenho e à manutenção da perda de peso. No entanto, uma nova pesquisa chegou a uma conclusão diferente. Segundo esse estudo, pular o café da manhã é que pode ajudar aqueles que querem perder peso.

De acordo com uma revisão publicada no BMJ, tomar café da manhã pode não ser a resposta para a sua perda de peso. Depois de analisar toda uma série de estudos publicados anteriormente, os pesquisadores determinaram que aqueles que regularmente pulam o café da manhã realmente pesam menos do que aqueles que o comem todos os dias.

Mas não jogue fora suas caixas de ovos ainda. Estamos aqui para lhe dizer o que as descobertas realmente significam, especialmente para os corredores.

Comer e não engordar é uma questão de genética, diz estudo 

Pular o café da manhã: o que o novo estudo descobriu

Pesquisadores da Monash University, em Melbourne, na Austrália, estudaram 13 ensaios clínicos dos EUA e do Reino Unido. Os dados eram dos últimos 28 anos. Esses ensaios analisaram como tomar café da manhã todos os dias afetou o peso e a ingestão de calorias dessas pessoas.

Suas descobertas? Os adultos que regularmente pulavam o café da manhã pesavam em média 0,44 kg menos do que aqueles que comiam todos os dias. Além disso, adultos que não tomavam café da manhã consumiam 260 calorias a menos por dia do que aqueles que comiam a refeição da manhã.

Esses dois fatores – peso e ingestão de calorias – estão relacionados. É o que afirma a co-autora do estudo, Flavia Cicuttini, Ph.D., professora de epidemiologia clínica na Monash University. “Descobrimos que, em média, aqueles que tomaram café da manhã tiveram um aumento na ingestão calórica total”, disse ela à Runner’s World.

Mais calorias se traduz em mais peso ganho, no caso desta revisão. Essa conclusão coloca em jogo a teoria de que aqueles que tomam café da manhã são menos propensos a estar acima do peso.

“Tem sido sugerido que as pessoas que tomam café da manhã tendem a comer menos no final do dia e que o metabolismo delas é melhor se elas comerem de manhã, e não mais tarde. Isso resultou na ideia de que o café da manhã ajudaria a evitar o ganho de peso”, explica a professora. “Mas não houve evidência de melhora do metabolismo naqueles que tomavam café da manhã. Tampem não houve evidência de que eram menos propensos a comer demais no final do dia.”

Qual o melhor horário para treinar e perder peso: pela manhã ou à noite? 

O que o estudo significa para os corredores

Antes de cortar o café da manhã para sempre, há algumas coisas a considerar. Por um lado, mesmo que o estudo tenha encontrado pessoas com menos peso, não estamos falando de uma grande diferença. A diferença de peso era de menos de meio quilo.

Além disso, como corredores, temos diferentes necessidades nutricionais do que a população em geral. Precisamos de combustível suficiente para que possamos ter o melhor desempenho possível.

E Cicuttini reconhece isso. “No caso de pessoas que se exercitam regularmente, elas precisam comer para corresponder a essas necessidades”.

Além disso, de acordo com a pesquisadora, esse estudo não é voltado aos atletas. O objetivo é “fornecer informações para aqueles que estão com sobrepeso e tentando descobrir o que podem fazer para perder peso ou evitar o ganho de peso”.

Kelly Hogan, nutricionista de Nova York (EUA), recomenda que os corredores incorporem o café da manhã em sua rotina. “Se você correr no início do dia e não comer de antes, pode ficar mais faminto e propenso a comer mais no final do dia.”

Dois treinadores ensinam como começar a correr no início da manhã

Lembre-se de que o estudo não explica como o exercício mudou a fome ou os hábitos alimentares.

Hogan diz que é especialmente importante para os treinos de pelo menos 45 minutos ou distancias maiores. Dessa forma o corredor terá energia suficiente.

Saiba o que comer antes de correr para garantir bons treinos 

E pesquisas anteriores corroboram isso: um estudo recente publicado no American Journal of Physiology: Endocrinology and Metabolism descobriu que comer algo antes de uma corrida (especialmente se ele contém carboidratos e um pouco de proteína) pode melhorar a sua performance.

É claro que, se você não conseguir comer antes de uma corrida, não precisa se forçar para isso, aconselha Hogan. “Aqueles que não conseguem comer logo que acordam podem tomar o café da manhã depois da corrida. Faça o que funciona para você.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here