Recorde mundial nos 50K em esteira é quebrado novamente

Por Andrew Dawson, da Runner's World US

Recorde mundial nos 50K em esteira
Foto: HENNER THIES / RED BULL CONTENT POOL

O recorde mundial nos 50K em esteira foi quebrado pela segunda vez este ano.

Leia mais 

+ Homem quebra recorde mundial em uma esteira
+ Atleta britânica quebra recorde mundial em percurso de parque
+ Brasileiro é campeão do Pan-Americano de Cross Country

O ultramaratonista alemão Florian Neuschwander correu na esteira do Red Bull Athletes Performance Center em Thalgau, Áustria, no dia 27 de fevereiro, com a intenção de bater o tempo anterior de 2h59min03, feito por Mario Mendoza no dia 14 de janeiro. E conseguiu: ele fez 2h57min25.

“Não sei por que gosto de correr na esteira”, disse Florian à Runner’s World US. “Mentalmente, correr é difícil para mim. Os campeonatos alemães deste ano estão sendo organizados, em sua maioria, em circuitos de apenas 5K. Então são necessárias 20 voltas para terminar os 100K. Isso é chato, eu acho, por isso achei que seria um bom treino de força mental.”

 

Ver essa foto no Instagram

 

10 km in 33:53 minutes with increased Speed from 16,5 up to 19,0 km/h. Last treadmill Session before…

Uma publicação compartilhada por Florian Neuschwander (@runwiththeflow) em 24 de Fev, 2020 às 4:25 PST

Este era um objetivo que estava no radar dele desde 2013, antes mesmo de Michael Wardian se tornar a primeira pessoa a fazer 50 quilômetros em menos de três horas. Sete anos depois, como parte de sua preparação para o Campeonato Alemão de 100K, Florian decidiu que agora era o momento certo.

Ele se preparou normalmente, como se prepara para uma maratona: um plano de 12 semanas. Ele intercalou intervalados com longões de até 29 quilômetros.

Recorde mundial nos 50K em esteira

Florian disse que ver Mendoza quebrar o recorde mundial nos 50K em esteira poucos meses antes dele foi uma pressão extra.

Quando o dia da corrida finalmente chegou, o piloto de 38 anos colocou os sapatos e partiu para a sala com janelas abertas para refrescar. Apesar de ter desenvolvido um problema na região lombar na semana anterior, ele decidiu seguir em frente.

“Comecei os primeiros 10K a 16,5 km/h”, disse ele. “Isso foi mais lento que o ritmo recorde. Aproximadamente no quilômetro 30, eu apertei o pace. Nos últimos 20K, aumentei mais ainda a velocidade. Fiz entre 17,5 a 18 km/h.”

Recorde mundial nos 50K em esteira
Foto: HENNER THIES / RED BULL CONTENT POOL

Durante toda a tentativa, ele se preocupou com a  lombar e as cãibras nos quadris, mas se esforçou para estabelecer o novo recorde mundial.

Depois que a esteira parou, Florian comemorou brevemente com sua namorada e filha, e ficou três dias se recuperando antes de voltar ao treinamento. “É uma conquista legal, mas minhas maiores corridas estão por vir. Eu não estou parando. Acabei de fazer uma corrida de três horas e me senti bem. Vamos ver o que acontece a seguir.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here